] domingo, abril 27, 2008
 


MY OWN PRIVATE BIG BANG THEORY THEORY

Comentei lá na Lady A., mas não resisti e vim falar aqui, óbvio. principalmente porque, num domingo de trabalho, a procrastinação tem que existir, né?

Lady Adriana comentava sobre a série que tem como personagens (queridos, aliás) os geeks de física Sheldon e Leonard e dizia justamente algo sobre a hiper esterotipação dos personagens.
The Big Bang Theory gira em torno da vida nerd e da vida nerd adaptada a vida de uma vizinha de porta loira e burra (Penny) que serve de contraponto a nerdice de Leonard (de óculos na foto acima) e Sheldon (de calça xadrez). o brabo mesmo, porque a série é muito jóia, é o estereótipo descontrol. vejamos: loira gostosona e burra? PhD de física neurótico/fã de superman/magricela e asperger? PhD de física menos neurótico, menos magricela e (bem) menos asperger mas fã de superman e que é totalmente destrambelhado? nerd do cabelo horrível mas de visual "descolado" que tem mania de ser sedutor (de camisa vermelha)? nerd indiano que veio pros EUA estudar física (de boné)? o único broken-cliché é que eles não são os taradinhos de star wars (embora, claro, sejam fãs, como todo bom geek que preste), mas de superman (a camiseta do Sheldon é quase parecida com a minha -- falecida -- camiseta do S..., exceto por ser branca -- a minha é azul)



a série é ótima, principalmente porque é uma das poucas em que me enxergo em várias situações (tipo a da resposta do Sheldon pra Penny sobre signos do zodíaco e o fanatismo por superman), mas desde o primeiro capítulo eu criei uma TEORIA DA THE BIG BANG THEORY. e isso porque me irrito both com os estereótipos que a Penny (filha de hippies que amavam Beatles?) representa e com a falta total de representação de nossa catiguria -- a dos geek de ciências humanas e sociais aplicadas -- nesse tipo de narrativa: pra mim a Penny é, na verdade, uma PhD de sociologia ou antropologia ou comunicação ou até psico que está desenvolvendo uma pesquisa complexa e longa sobre o comportamento nerd e está camuflada de estereótipo master pra poder estudar melhor os tais comportamentos.

fico até imaginando o final de uma temporada com a Penny de jeans e camiseta do Che (rá, estereótipos, aí vou eu!) explicando pra eles (in a low frequency voice?) quem ela é.

enfim, acho que os roteiristas poderiam considerar, néam?

[ Penkala ] 12:13 ] 4 comentários

 
eu uso óculos




CLICA QUE VAI:
www.flickr.com
Penkala's eu, casa & coisas photoset Penkala's eu, casa & coisas photoset

BLACK BIRD SINGING:

Get Firefox!








Powered by Blogger


RSS